.posts recentes

. Resumé

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.links


Terça-feira, 16 de Setembro de 2008

Resumé

 

Cheguei a casa…
Miss M inspirei-me no seu blog e decidi também eu fazer um resumé do meu Verão…da minha grande época que teima em não terminar… vou fazer um resume como se hoje fosse 31 de Dezembro e tivesse que pensar muito bem nas minhas primeiras e grandes decisões do ano, avaliar prós e contras e optar por novos e bons caminhos, tentar tomar as decisões mais acertadas para que o Inverno não me pareça tão rigoroso nem tão frio…
Começamos sempre o ano cheio de esperança e de convicção de que tudo será melhor… bahh como é que ainda nos conseguimos enganar tanto? Foi a essa conclusão que cheguei hoje ao final do dia…
Lembra-me ainda um dos meus primeiros pensamentos embriagados de 2008“Este ano dê por onde der tenho que dedicar mais tempo a fazer outras coisas que não sejam trabalho, tenho que pensar mais na família e em ter vida”… bom enganei-me claro está, é a família a reclamar a minha ausência e o meu eu a reclamar mais cuidados, mais atenção e mais descanso, é o eu a reclamar uma vida própria!
O outro pensamento, ah e tal ginásio com a menina para se mexer… o meu auge de exercício é subir e descer 3 lances de escadas 10 vezes por dia e uma inscrição no ginásio cancelada por tempo indefinído… mais um desejo frustrado!
Este ano quero viajar para dois sítios diferentes, que não seja o santo País…até à data nem um sítio fora de Portugal… e vão três desejos nulos…
Bom acho que já deu para terem uma perspectiva geral da coisa… bom pensando melhor se calhar o problema é mesmo do excesso de álcool no dia 1 de Janeiro :p
Em Abril começam os ameaços da loucura que se aproxima e em menos de nada é Setembro… o que se viveu nem se sentiu! São as mil festas, os mil momentos que passam por entre os nossos dedos e que nós sem darmos por eles acabam por nos passar ao lado, é o abdicar de uma vida em função dos outros… comemoram-se datas importantes, criam-se datas importantes e a única coisa que conseguimos e temos força para fazer é sorrir ligeiramente…
Algo me diz que já me estou a perder…
As pessoas cada vez trabalham mais e cada vez têm menos tempo para viver!
Estou psicologicamente cansada disto tudo… quero o colinho da mamã nestas alturas mas não dá simplesmente porque não há tempo… é preciso ser mais forte do que tudo isto, ser imune a guerras que não são nossas, não nos deixarmos afectar pelo que nos rodeia! Sim somos humanos mas o barco precisa de ser levado e se baixarmos a cabeça o castelo de cartas cai!
Bahh acho que já estou é a pensar de mais…
Mas no final eu gosto, é um vício que eu teimo em não perder, reclamo mas adoro e o gozo pessoal de mais um dia de booom trabalho cumprido é inigualável…
Abdico de uma vida pessoal por uma vida sem vida? Sim!
Perco pela minha escolha? Todos os dias!
 Algum dia poderei arrepender-me? Definitivamente!
Vale a pena? Tudo vale a pena quando a alma não é pequena…
 
Vidinha de turista não é fácil!
P.s: Este é o desabafo do dia sem grande nexo (coisa que neste blog não existe)… mas apetecia-me mesmo :)
 
 
 
Misteriouly J
sinto-me: imprópria para "consumo"
música: 6º andar
tags:

publicado por thestarsareshining às 21:09

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.arquivos

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds