.posts recentes

. L.L.S.

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.links


Quarta-feira, 23 de Julho de 2008

L.L.S.

Tanto expliquei o meu estado de espírito, os meus interesses e o meu timing a determinada pessoa (não pense que este post é sobre si ou para si sr G.) que decidi vir aqui expor o estado L.L.S – Livre, leve e solta! Não estou a tentar transformar este post numa daquelas secções manhosas da Maria, nada disso, quero só apresentar um estado de espírito, uma vontade, aperfeiçoado por mais uma pequena cabeça pensadora  (não, a outra não é a do meu amigo imaginário mas como sabem não sou adepta de revelar muitos nomes) numa destas agradáveis noites de Verão acompanhadas de uma excelente sangria!

Por entre copos e cigarros definimos o significado de L.L.S e chegamos à seguinte conclusão: Estado ligado a todas as pessoas que já se encontraram, que são independentes, que têm uma vida e que não querem laços mais fortes do que a amizade ou que simplesmente se deixaram de tentar o que quer que fosse (pois)…
E se pensarmos todos um bocadinho e pusermos a mão na consciência concluímos que estamos numa sociedade em que cada vez mais as mulheres assumem um papel importante mas no que toca a relacionamentos “inter-pessoais” parece que a sociedade não evolui! Porque é que elas não podem ser como eles? Porque é que uma “one-night-stand” é sempre reprovada quando se está a falar delas? Não percebo!!
Porque não podemos estar numa “não relação” como alguém sem ser “até que a morte nos separe” ou quando o fazemos temos sempre alguém a condenar? Ai estou revoltada e já estou a correr o risco de transformar este post num artigo à Carrie Bradshaw…
És mulher e gostas de não ter laços, não queres dar/receber explicações, não queres ter obrigações, o que és? Tenho vergonha de o escrever…
És homem e gostas de ter laços, não queres dar/receber explicações, não queres ter obrigações, o que és? Um herói!
A mulher trai e é uma cabra, o homem trai e é o maior, eh já enganou mais uma… mas que forma estranha de gostar também é esta? Não sou a favor da traição, mas certo é que o ditado já é velho mas diz que Amor com amor se paga…! (ok, este último paragrafo foi um bocadinho feminista de mais…mas eu nunca traí e se pensar em determinadas situações que passaram perto de mim tenho razão!)
Sabe bem ter alguém que partilha dos mesmos ideais, ter amigos com os mesmos ideais, ter uma família que apoia, sabe bem pensar livre… correndo o risco de me contradizer, mas mais alguma coisa interessa?
Espero não me ter perdido muito hoje J
 
P.S – Vá Mickey goza!!
 
 
 
Misteriously J
sinto-me: Livre leve e solta!!!
música: Vicio de Ti
tags:

publicado por thestarsareshining às 23:40

link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.arquivos

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds